terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Tutorial Cosplay Sakura Card Captors Art Book parte 1

… Hey yooo!

BOLIIIINHOOOS *--*

Trago mais um tutorial pra vocês (depois de muito tempo com o blog inativo), dessa vez da fofa da Sakura Card Captors *U*
Me diz quem nunca brincou de Sakura, imitando seus “liberte-se!” ou seus “ai ai ai, Yukito!”, quem nunca se apaixonou pelo desenho e ficou sentado todos os dias em frente a TV esperando dar o horário de passar Sakura? Sakura Card Captors foi um sucesso quando foi lançado, e continua sendo até hoje, mesmo 19 anos depois.

Seu mangá teve 12 volumes no Japão e 24 volumes no Brasil (mais tarde, com a edição especial, reduziram novamente para 12), seguido de um anime com 70 episódios, 3 OVAs e dois filmes. Sakura Card Captors é tão especial, que foi o primeiro mangá do Brasil a ser vendido em uma banca!

Nem preciso dizer que amo Sakura né? Kkkk

Bem, primeiramente eu estava planejando fazer cosplay da roupa mais clássica (a da primeira abertura), que tem variações de rosa e vermelho, porém depois de completar minha segunda coleção de mangás da Sakura (tenho a coleção antiga e a nova), me apaixonei pela versão borboleta do Art Book, que na coleção nova aparece em colorido no volume 10!

Mesmo a roupa sendo complicadíssima, eu já tinha máquina de costura então não ia sofrer tanto quanto sofri no meu cosplay de Asuna (n.n), até porque o da Asuna era cheio de detalhes em bordado e etc, e o da Sakura era mais simples em questão de detalhes pequenos.
Aqui vai a Imagem da Sakura Borboleta do Art Book (e abaixo as Cosplayers que me inspirei):

As cosplayers são a Katasha e a Pandore11

Então, vamos ao tutorial *--* /

1-Explicando a roupa


Sinceramente não sei se a cor do vestido dela é rosa-claro ou lilás-claro. Inicialmente eu iria fazer de lilás, porém não achei tecido da cor então fiz de rosa. A saia do vestido tem várias camadas, e todos os cantos da roupa têm babados. Ela usa uma coroa com duas antenas de borboleta, e dois pares de asas (que fiz separadamente e depois juntei com costura). Também tem um detalhe na cintura (que fiz separado da roupa, pra facilitar a lavagem), com as mangas da mesma cor. Embora o vestido seja MUITO armado, vale lembrar que ela está sentada, então ele fica ainda mais “pomposo” no desenho. Resumindo, muito rosa com detalhes dourados!

2- Coroa

Todas as pecinhas foram feitas de arame. O círculo pra encaixar na cabeça é arame com tecido enrolado (da mesma cor das mangas, “cinto” e asas).


Na hora de montar, eu prendi as partes de cima com durex pra facilitar a secagem da cola no círculo. Uma boa dica pra colar as pecinhas no círculo é pingar uma gota de cola branca comum, e em seguida pingar sobre ela uma gota de super bonder. Depois de secas, eu tirei a durex da parte de cima, enrolei uma linha de costura branca e pinguei um pouquinho de super bonder, pra linha endurecer e ficar firme. Em seguida, pra preencher o espaço vazio, eu utilizei EVA (ou papel borracha) recortado no formato, e encapado com tecido (eu usei cola ao invés de costurar, como mostra a imagem).


Depois de tudiiinho seco, hora dos babadinhos! Eu só cortei um pedaço de tecido Organza Cristal (que mais tarde falarei dele pois o usei no vestido) de forma irregular na parte de cima e fui franzindo ele enquanto colava. As anteninhas também foram feitas de arame e coladas no círculo (eu tive que enroscar o arame das antenas no arame do círculo). Depois de pronta, você pode optar por prendê-la na cabeça com grampos ou com um arco (eu prendi em um arco da cor da peruca que iria usar).

3-Asas


(OBS: o blogger deixou minha imagem de cabeça pra baixo... desculpem)
As asas foram feitas de EVA (papel-borracha/emborrachado) e encapadas com tecido. Como a folha de EVA não é tão grande, eu fiz as partes separadamente e depois uni todas com costura e super bonder. O EVA que eu usei era o normal de 3 mm pois aqui onde eu moro é difícil achar EVA grosso T.T

O desenho dela é “comidinho” nas bordas, o que me lembrou bastante a blusa da Asuna enquanto eu recortava ^u^



E aqui está uma burrada que eu fiz. Como vocês podem ver, na imagem que está com o “X” de “errado”, foi quando eu tentei colar o tecido no EVA ao invés de costurar ou encapar. O tecido simplesmente não colou, assim que eu puxei ele saiu todinho na minha mão! Foi um desperdício de tecido, cola e tempo, então não façam igual a mim! Façam igual a segunda imagem com o “V” de “certo”, onde foi minha segunda tentativa, eu encapei o EVA com o tecido. E ainda ficou com aparência muito melhor!



O EVA por si só não aguenta o peso de asas tão grandes, então eu tive que moldar um arame do formato das asas e costurar ele todinho à mão nas bordas da mesma. Éh, gente, santa paciência, mas no final vale a pena! O que nós não fazemos pelo cosplay...
E enfim, a primeira parte das asas está feita! Ignorem minhas mãos segurando por trás kkkkkkkkk
(meu cabelo era tão curtinho nessa época... como o tempo passa!)


Aqui uma foto das asas prontas, com a pintura feita e o outro par menor costurado, feito da mesma maneira que o primeiro. Também já estão presos os elásticos que vão servir pra passar pelos braços e segurar as asas nas costas. Sinceramente, eu odiei esses elásticos pois eles não são nem um pouco discretos e aparecem nas fotos, mas não tive escolha pois aqueles transparentes (que geralmente vêm em sutiãs) eu não achei pra comprar, e costurar na roupa estava fora de cogitação (como eu faria pra lavar?!)

4- Báculo


O báculo que ela usa nessa roupa é o segundo, da Estrela (eu acho o inicial mais bonitinho, mas o da estrela é mais fácil de fazer ^U^). Eu fiz com um cabo de vassoura velho (que eu achei no lixo do prédio kkkkkk, mas eu lavei ok?), uma estrela de natal, papelão, massa corrida e biscuit. NÃO FAÇAM DE MASSA CORRIDA! Infelizmente eu não conhecia muitos materiais na época, então fiz de massa corrida pela facilidade em lixar depois. Porém massa corrida quebra em pedacinhos por QUALQUER coisa, já perdi a conta de quantas vezes fiquei de madrugada no final de evento colando os pedacinhos que quebravam do báculo (T^T). Existem inúmeros materiais que vocês podem usar, o próprio biscuit já é muito melhor que massa corrida.


Primeiramente eu tirei o raio da estrela de natal com o compasso e fiz um círculo no pedaço de papelão. Depois fiz um círculo maior contornando o primeiro -> esse círculo maior deve ter a grossura um pouco menor que a grossura que você vai querer no báculo, pois iremos encapá-lo.


Me perdoem, mas infelizmente as fotos que eu tinha do andamento do báculo se perderam. Eu vou tentar explicar resumidamente o que eu fiz: depois de pintar a estrela de amarelo (lógico que eu não iria deixar aquele brilho dourado tipo carnaval kkkkkkk), eu encaixei ela no círculo de papelão cortado e encapei com massa corrida (que já falei pra vocês encaparem com algum outro material, não sejam teimosos heim hahahahha pelo bem de vocês, usem biscuit ou algum outro). Depois dela seca e lixada, eu encaixei essa parte no cabo de vassoura (parecido com o que a Dwejitokki fez no tutorial do baixo da Marceline aqui no blog), e fiz os detalhes finais em biscuit (primeira vez que trabalhei em biscuit! Esse material vicia). Depois, pintei tudinho! Ah, e as asinhas foram feitas de EVA ^-^/

Enfim, a primeira parte termina aqui! Não percam a segunda parte \o/ Espero que tenha ficado fácil de entender ~-~
Também estou pensando em fazer um tutorial de alguns acessórios do Syaoran (par da Sakura), comentem aqui em baixo o que vocês acham *--*

Também não esqueçam de comentar caso tenham alguma dúvida no processo!

~*~Tchauuuuu~*~

~Carolina Mei

2 comentários:

  1. Oi oi :3
    Parabéns pelo tutorial, está muito bem feito ^-^
    Eu pretendia usar massa corrida, mas não sabia que ela quebrava tão facilmente ;-;, obrigada pelo aviso -q
    Mas uma dúvida... pode me dizer que tipo de tinta você usou para pintar o báculo? Tenho problemas em deixar a pintura lisinha e não consigo resolver T-T
    Ah sim, faça o tutorial do Syaoran por faavooor *-*

    ResponderExcluir
  2. Olá ^-^/ *-*
    Sim, não faça de massa corrida! Kkkkkk
    A tinta que eu usei foi a Tinta Fosca Para Artesanato da marca Acrilex, elas vêm em potinhos de mais ou menos R$2,50 e geralmente ficam perto das tintas pra tecido ^u^
    Porém eu não acho que o problema seja a tinta, você já olhou seu pincel? Pincéis sintéticos costumam ser mais rígidos que os naturais e a pintura sai com aquelas "linhas" chatinhas marcadas, existem duas soluções pra acabar com elas:
    1- comprar um pincel natural ou sintético que seja macio (pincéis assim infelizmente são um pouco caros)
    2- pintar com um pincel que você tenha, e depois que a pintura secar, ir lixando com uma lixa fina, e depois passar uma segunda camada e lixar de novo. Esse método é mais baratinho e muitas artesãs que vendem caixinhas decoradas adotam essa técnina ^-^
    Se o problema não for o pincel desconsidere essas sugestões hahahaha
    O tutorial do Syaoran será mais resumidinho, mas já estou escrevendo :D

    Espero que eu tenha ajudado e obrigada por visitar o blog *O*
    ~Carolina Mei

    ResponderExcluir